#229e00

#0d4f00

Twitter atende usuários e cria botão de edição de mensagens

Twitter atende usuários e cria botão de edição de mensagens

O Twitter anunciou nesta quinta-feira (1º) que está testando o botão que permite editar as publicações na rede social. Alguns dos 237 milhões de usuários já conseguem usar a nova função a partir de hoje. O experimento também será disponibilizado para assinantes do Twitter Blue, que é um serviço de assinatura da plataforma, nas próximas semanas.

Durante esse período de testes, os tweets poderão ser editados algumas vezes nos primeiros 30 minutos após a postagem. Segundo o Twitter, ainda que o usuário não faça parte do grupo que já pode utilizar a novidade, poderá ver se a publicação de alguém foi editada e obter informações sobre data e horário.

Desde que o Twitter foi criado, em 2006, a utilização básica sempre foi muito simples e constante: você escreve uma mensagem, posta e depois lida com as consequências. Não havia alterações na linha do tempo.

O jornal americano The New York Times brincou que a mudança chega com 15 anos, nove meses e 22 dias de atraso. O período representa a idade da rede social.

O botão de edição de mensagens representa a principal mudança no serviço desde 2017. Na ocasião, a rede social ampliou o número de caracteres permitidos para uma determinada mensagem — de 140 para 280.

O compromisso da rede social com os primeiros rascunhos sempre rendeu discussões acaloradas. Mas os usuários sempre se arrependem do que escrevem ou simplesmente erram uma digitação depois de postar um tweet.

Nascido como um serviço de nicho, o Twitter explodiu e se tornou uma plataforma social global. Com isso, mais usuários ampliaram as reclamações para poderem editar os posts.

Roda do Twitter

Nesta semana, o Twitter liberou para todos os usuários brasileiros o “Roda”, que permite que seja criada uma lista de seguidores que receberá com exclusividade uma determinada publicação.

A ferramenta permite colocar até 150 contatos nesse grupo e ninguém é notificado se for excluído.

Somente as pessoas que fazem parte do Roda podem dar retweet na publicação e todas as respostas são privadas, mesmo que a conta seja pública.

R7