#229e00

#0d4f00

Com sete casos confirmados, Estado alerta para cuidados com varíola dos macacos

Com sete casos confirmados, Estado alerta para cuidados com varíola dos macacos

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) aguarda decisão do Ministério da Saúde sobre distribuição de vacinas e possível descentralização dos exames para diagnóstico da varíola dos macacos. Na Paraíba, sete casos da doença foram confirmados e 47 são investigados.

Atualmente, as amostras de casos suspeitos são enviados para análise na Fiocruz, no Rio de Janeiro, e têm resultado divulgado entre 15 e 20 dias. Ontem, a Anvisa autorizou o uso emergencial de kits da Fiocruz para diagnóstico da doença.

“Estamos no Aguardo Ministério da Saúde para saber se a Paraíba vai receber kits para poder conseguir fazer essa análise no próprio estado. É importante destacar que a equipe do Lacen estadual está pronta fazer esse diagnóstico. Se por ventura tiver a decisão de descentralização para todos os estados, automaticamente vai facilitar muito o trabalho interno da Secretaria do envio das amostras para outro estado”, explicou a secretária da Saúde, Renata Nobrega.

Em relação à vacina contra a doença, ela ressaltou que não existe uma data definida para distribuição ou definição de público prioritário.

“A população mais exposta certamente será os profissionais de laboratório, que lidam diariamente com a parte das secreções, os profissionais que atendem os pacientes no dia a dia, mas ainda não há uma definição”, disse.

Ela alertou e pediu colaboração da população para redução da transmissibilidade da doença, com adoção de medidas básicas dentro das residências.

MaisPB