Pesquisar
Close this search box.
Lei que permitem o acesso de personal trainer é julgada inconstitucional na Paraíba
NOSSO INSTAGRAM
Vocação e experiência, esses foram os principais destaques da 2° parte da entrevista concedida pela empresária e Pré-candidata a prefeita de Baraúna @austryanee . 

Assista!🎙

Vocação e experiência, esses foram os principais destaques da 2° parte da entrevista concedida pela empresária e Pré-candidata a prefeita de Baraúna @austryanee .

Assista!🎙
...

Roda de Samba no @penareia_cuite !💥🥁
Pagode Mistura e Samba neste domingo às 14h00 

#penareiacuite #pagode #samba #domingo #cuitepb #picuipb #novapalmeirapb

Roda de Samba no @penareia_cuite !💥🥁
Pagode Mistura e Samba neste domingo às 14h00

#penareiacuite #pagode #samba #domingo #cuitepb #picuipb #novapalmeirapb
...

Com mais de 20 anos atuando no seguimento de calçados e acessórios a @mery_calcados se consolidou como uma referência. 

O NS visitou a cidade de Baraúna para bater um papo com essa grande empreendedora e conhecer um pouco da história de sucesso da Mery calçados. 

Assista , curta , compartilhe , comente!💚

Com mais de 20 anos atuando no seguimento de calçados e acessórios a @mery_calcados se consolidou como uma referência.

O NS visitou a cidade de Baraúna para bater um papo com essa grande empreendedora e conhecer um pouco da história de sucesso da Mery calçados.

Assista , curta , compartilhe , comente!💚
...

Estudantes da Escola Cidadã Integral Técnica (ECIT) Jornalista José Itamar da Rocha Cândido, da cidade de Cuité, no Curimataú paraibano, conquistaram quatro medalhas de bronze na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e na Mostra Brasileira de Foguetes (Mobfog). Os eventos têm como objetivo fomentar o interesse dos jovens pela Astronomia, Astronáutica e ciências. A OBA e a Mobfog são organizadas pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB).

O estudante Kael Pontes Haus, da 1ª série do Ensino Médio da ECIT Cuité, conquistou a medalha de bronze na OBA. Ele respondeu à prova com perguntas sobre Astronomia e Astronáutica. Com o resultado, Kael foi selecionado para as seletivas internacionais 2024-2025 de forma online; caso esteja apto no próximo ano, ele poderá competir fora do país.

Outros três estudantes da ECIT, também da 1ª série, Bruno Kauã, José Pedro e João Gabriel conquistaram medalha de bronze na Mobfog e vão participar da 58ª Jornada de Foguetes, que acontece anualmente na cidade de Barra do Piraí no estado do Rio de Janeiro.

A Mobfog consiste em uma prova prática, na qual os estudantes fizeram os lançamentos de foguetes com uma base de material de baixo custo. Os estudantes participaram do nível 4 e os foguetes de garrafa PET foram lançados a partir da reação química com vinagre, concentração de 4% de ácido acético e bicarbonato de sódio.

Para a professora de Física da ECIT, Priscila Silva, esta é uma grande oportunidade para os estudantes do ensino médio, pois além de poderem receber certificações, diplomas, medalhas e prêmios dos dois eventos, poderão ganhar bolsas de estudos em nível nacional e internacional.

[…] continua nos comentários

Estudantes da Escola Cidadã Integral Técnica (ECIT) Jornalista José Itamar da Rocha Cândido, da cidade de Cuité, no Curimataú paraibano, conquistaram quatro medalhas de bronze na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e na Mostra Brasileira de Foguetes (Mobfog). Os eventos têm como objetivo fomentar o interesse dos jovens pela Astronomia, Astronáutica e ciências. A OBA e a Mobfog são organizadas pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB).

O estudante Kael Pontes Haus, da 1ª série do Ensino Médio da ECIT Cuité, conquistou a medalha de bronze na OBA. Ele respondeu à prova com perguntas sobre Astronomia e Astronáutica. Com o resultado, Kael foi selecionado para as seletivas internacionais 2024-2025 de forma online; caso esteja apto no próximo ano, ele poderá competir fora do país.

Outros três estudantes da ECIT, também da 1ª série, Bruno Kauã, José Pedro e João Gabriel conquistaram medalha de bronze na Mobfog e vão participar da 58ª Jornada de Foguetes, que acontece anualmente na cidade de Barra do Piraí no estado do Rio de Janeiro.

A Mobfog consiste em uma prova prática, na qual os estudantes fizeram os lançamentos de foguetes com uma base de material de baixo custo. Os estudantes participaram do nível 4 e os foguetes de garrafa PET foram lançados a partir da reação química com vinagre, concentração de 4% de ácido acético e bicarbonato de sódio.

Para a professora de Física da ECIT, Priscila Silva, esta é uma grande oportunidade para os estudantes do ensino médio, pois além de poderem receber certificações, diplomas, medalhas e prêmios dos dois eventos, poderão ganhar bolsas de estudos em nível nacional e internacional.

[…] continua nos comentários
...

À medida que o Pix vai sendo cada vez mais utilizado para pagamento e transferência de dinheiro, aumentam também relatos de golpes que tentam dar prejuízo a clientes de bancos.

Um deles, que viralizou recentemente nas redes sociais, é o golpe do Pix errado. A Agência Brasil preparou uma reportagem para você entender como funciona a artimanha dos criminosos e se proteger das tentativas de golpe.

O golpe
O Pix bateu recorde de transações na última sexta-feira (5). Foram 224 milhões de transferências entre contas bancárias, segundo o Banco Central (BC). Com um número tão grande de transações, não é difícil crer que algumas tenham sido feitas realmente por engano.

É justamente neste cenário que golpistas passam a praticar o golpe do Pix errado. O primeiro passo dado pelos fraudadores é fazer uma transferência para a conta da potencial vítima. Como parte das chaves Pix é um número de telefone celular, não é difícil para o golpista conseguir um número telefônico e realizar um Pix.

Logo em seguida à transferência, a pessoa entra em contato com a pessoa pelo número de telefone, seja ligação ou mensagem de WhatsApp, por exemplo.

Uma vez feito contato, o criminoso tenta convencer a vítima de que fez a transferência por engano e usa técnicas de persuasão para que o suposto beneficiado devolva o dinheiro.

“Estava precisando receber um dinheiro para pagar o aluguel, mas o rapaz mandou no número errado. Você pode transferir aqui para mim”, relata um usuário do X (antigo Twitter), cuja mãe teve R$ 600 depositados na conta bancária.

Na tentativa de convencimento, está uma das chaves para o golpe dar certo: a pessoa mal-intencionada pede a devolução em uma conta distinta da que fez a transferência inicial.

É intuitivo pensar que a primeira forma de descobrir se o contato suspeito trata-se de um golpe é checar se o dinheiro realmente foi depositado na conta da vítima. Para isso, basta conferir o extrato bancário. O fator que leva a pessoa ao erro é que realmente o dinheiro está na conta.

A partir do momento em que a vítima se convence e decide fazer um Pix para a conta indicada como forma de devolver o dinheiro, ela caiu no golpe.

[…] continua nos comentários

À medida que o Pix vai sendo cada vez mais utilizado para pagamento e transferência de dinheiro, aumentam também relatos de golpes que tentam dar prejuízo a clientes de bancos.

Um deles, que viralizou recentemente nas redes sociais, é o golpe do Pix errado. A Agência Brasil preparou uma reportagem para você entender como funciona a artimanha dos criminosos e se proteger das tentativas de golpe.

O golpe
O Pix bateu recorde de transações na última sexta-feira (5). Foram 224 milhões de transferências entre contas bancárias, segundo o Banco Central (BC). Com um número tão grande de transações, não é difícil crer que algumas tenham sido feitas realmente por engano.

É justamente neste cenário que golpistas passam a praticar o golpe do Pix errado. O primeiro passo dado pelos fraudadores é fazer uma transferência para a conta da potencial vítima. Como parte das chaves Pix é um número de telefone celular, não é difícil para o golpista conseguir um número telefônico e realizar um Pix.

Logo em seguida à transferência, a pessoa entra em contato com a pessoa pelo número de telefone, seja ligação ou mensagem de WhatsApp, por exemplo.

Uma vez feito contato, o criminoso tenta convencer a vítima de que fez a transferência por engano e usa técnicas de persuasão para que o suposto beneficiado devolva o dinheiro.

“Estava precisando receber um dinheiro para pagar o aluguel, mas o rapaz mandou no número errado. Você pode transferir aqui para mim”, relata um usuário do X (antigo Twitter), cuja mãe teve R$ 600 depositados na conta bancária.

Na tentativa de convencimento, está uma das chaves para o golpe dar certo: a pessoa mal-intencionada pede a devolução em uma conta distinta da que fez a transferência inicial.

É intuitivo pensar que a primeira forma de descobrir se o contato suspeito trata-se de um golpe é checar se o dinheiro realmente foi depositado na conta da vítima. Para isso, basta conferir o extrato bancário. O fator que leva a pessoa ao erro é que realmente o dinheiro está na conta.

A partir do momento em que a vítima se convence e decide fazer um Pix para a conta indicada como forma de devolver o dinheiro, ela caiu no golpe.

[…] continua nos comentários
...

O primeiro caso da Febre do Oropouche na Paraíba foi confirmado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nesta quinta-feira (11). O paciente é um homem de 34 anos, morador da cidade de João Pessoa, que apresentou sintomas característicos da dengue após ter viajado para Pernambuco, onde foi contaminado.

Após procurar atendimento médico, o diagnóstico do homem para Febre do Oropouche foi confirmado por um exame realizado no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen/PB).
De acordo com a técnica das arboviroses da SES, Carla Jaciara, a secretaria verificou, após investigação, que se trata de um caso importado, ou seja, cuja infecção não ocorreu no território paraibano.

“Diferente da Paraíba, Pernambuco já tem registros da doença em 10 municípios, portanto, o caso não pertence ao nosso estado. O paciente voltou da viagem apresentando sintomas três dias após o retorno, fez exame para a dengue, chikungunya e zika, e deu não detectável, porém, por termos informações do cenário epidemiológico dos locais por onde ele passou, foi realizado pelo Lacen o exame necessário para o diagnóstico. É importante frisar que o usuário se recupera bem, está em casa, aparentemente saudável”, explica a técnica de arboviroses.
Sintomas da Febre do Oropouche
 
Os sintomas da Febre do Oropouche são semelhantes aos das arboviroses, como dengue, zika e chikungunya, por isso é necessário que, ao apresentá-los, a população procure o serviço de saúde mais próximo para receber o tratamento adequado.
Entre os principais sintomas estão: febre de início súbito, dor de cabeça, dor muscular e articular, tontura, dor retro-ocular, calafrios, fotofobia, náuseas, vômitos.
Diferente da dengue, zika e chikungunya, que são transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, a Febre do Oropouche tem como principal transmissor o mosquito maruim, também chamado de “muruim”, comum no território paraibano. A transmissão ocorre por meio dos mosquitos infectados.

[…] continua nos comentários

O primeiro caso da Febre do Oropouche na Paraíba foi confirmado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nesta quinta-feira (11). O paciente é um homem de 34 anos, morador da cidade de João Pessoa, que apresentou sintomas característicos da dengue após ter viajado para Pernambuco, onde foi contaminado.

Após procurar atendimento médico, o diagnóstico do homem para Febre do Oropouche foi confirmado por um exame realizado no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen/PB).
De acordo com a técnica das arboviroses da SES, Carla Jaciara, a secretaria verificou, após investigação, que se trata de um caso importado, ou seja, cuja infecção não ocorreu no território paraibano.

“Diferente da Paraíba, Pernambuco já tem registros da doença em 10 municípios, portanto, o caso não pertence ao nosso estado. O paciente voltou da viagem apresentando sintomas três dias após o retorno, fez exame para a dengue, chikungunya e zika, e deu não detectável, porém, por termos informações do cenário epidemiológico dos locais por onde ele passou, foi realizado pelo Lacen o exame necessário para o diagnóstico. É importante frisar que o usuário se recupera bem, está em casa, aparentemente saudável”, explica a técnica de arboviroses.
Sintomas da Febre do Oropouche

Os sintomas da Febre do Oropouche são semelhantes aos das arboviroses, como dengue, zika e chikungunya, por isso é necessário que, ao apresentá-los, a população procure o serviço de saúde mais próximo para receber o tratamento adequado.
Entre os principais sintomas estão: febre de início súbito, dor de cabeça, dor muscular e articular, tontura, dor retro-ocular, calafrios, fotofobia, náuseas, vômitos.
Diferente da dengue, zika e chikungunya, que são transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, a Febre do Oropouche tem como principal transmissor o mosquito maruim, também chamado de “muruim”, comum no território paraibano. A transmissão ocorre por meio dos mosquitos infectados.

[…] continua nos comentários
...

Alex Condar , Pré candidato a Prefeito de Barra de Santa Rosa concedeu entrevista ao NS e falou sobre a importante união do grupo de situação e ressaltou o seu compromisso com desenvolvimento do município, dando continuidade ao projeto do Prefeito @netonepomuceno25 . 

Confira a entrevista , assista , curta e compartilhe!🎙

Alex Condar , Pré candidato a Prefeito de Barra de Santa Rosa concedeu entrevista ao NS e falou sobre a importante união do grupo de situação e ressaltou o seu compromisso com desenvolvimento do município, dando continuidade ao projeto do Prefeito @netonepomuceno25 .

Confira a entrevista , assista , curta e compartilhe!🎙
...

NScast com Prefeito de Tangara!🎙

É nesta sexta-feira (12) às 18h00 no nosso canal do YouTube e no Instagram. O Prefeito @augusto.tangara será sabatinado por @luizlopes777 . 

#nscast #noticiadaserra #podcast #tangarárn #entrevista #politica #prefeito #entrevista

NScast com Prefeito de Tangara!🎙

É nesta sexta-feira (12) às 18h00 no nosso canal do YouTube e no Instagram. O Prefeito @augusto.tangara será sabatinado por @luizlopes777 .

#nscast #noticiadaserra #podcast #tangarárn #entrevista #politica #prefeito #entrevista
...

A partir desta quarta-feira (10), 95% dos medicamentos e insumos fornecidos pelo Programa Farmácia Popular passam a ser distribuídos de forma gratuita. De acordo com o Ministério da Saúde, remédios para tratar colesterol alto, doença de Parkinson, glaucoma e rinite, por exemplo, já podem ser retirados de graça em unidades credenciadas.

A lista completa de medicamentos e insumos disponibilizados pode ser acessada aqui. Já a lista de farmácias e drogarias credenciadas ao programa pode ser acessada aqui. A expectativa da pasta é que cerca de 3 milhões de pessoas que já utilizam o programa sejam beneficiadas. “Em média, isso pode gerar uma economia para os usuários de até R$ 400 por ano”.

Entenda
O Farmácia Popular oferta, atualmente, 41 itens entre fármacos, fraldas e absorventes. Até então, somente medicamentos contra diabetes, hipertensão, asma e osteoporose, além de anticoncepcionais, eram distribuídos de forma gratuita.

Para os outros remédios e insumos, o ministério arcava com até 90% do valor de referência e o cidadão pagava o restante, de acordo com o valor praticado pela farmácia. Com a atualização, 39 dos 41 itens de saúde distribuídos podem ser retirados de graça.

O programa
O Farmácia Popular foi criado em 2004 com o objetivo de disponibilizar medicamentos e insumos de saúde. No ano passado, passou a incluir remédios para osteoporose e anticoncepcionais e, este ano, adotou também a distribuição de absorventes para pessoas em situação de vulnerabilidade e estudantes da rede pública.

Dados do governo federal indicam que o programa está presente em 85% dos municípios brasileiros, cerca de 4,7 mil cidades, e conta com mais de 31 mil estabelecimentos credenciados em todo o país, com capacidade para atender 96% da população brasileira. “A expectativa do Ministério da Saúde é universalizar o programa, cobrindo 93% do território nacional”.

[…] continua nos comentários

A partir desta quarta-feira (10), 95% dos medicamentos e insumos fornecidos pelo Programa Farmácia Popular passam a ser distribuídos de forma gratuita. De acordo com o Ministério da Saúde, remédios para tratar colesterol alto, doença de Parkinson, glaucoma e rinite, por exemplo, já podem ser retirados de graça em unidades credenciadas.

A lista completa de medicamentos e insumos disponibilizados pode ser acessada aqui. Já a lista de farmácias e drogarias credenciadas ao programa pode ser acessada aqui. A expectativa da pasta é que cerca de 3 milhões de pessoas que já utilizam o programa sejam beneficiadas. “Em média, isso pode gerar uma economia para os usuários de até R$ 400 por ano”.

Entenda
O Farmácia Popular oferta, atualmente, 41 itens entre fármacos, fraldas e absorventes. Até então, somente medicamentos contra diabetes, hipertensão, asma e osteoporose, além de anticoncepcionais, eram distribuídos de forma gratuita.

Para os outros remédios e insumos, o ministério arcava com até 90% do valor de referência e o cidadão pagava o restante, de acordo com o valor praticado pela farmácia. Com a atualização, 39 dos 41 itens de saúde distribuídos podem ser retirados de graça.

O programa
O Farmácia Popular foi criado em 2004 com o objetivo de disponibilizar medicamentos e insumos de saúde. No ano passado, passou a incluir remédios para osteoporose e anticoncepcionais e, este ano, adotou também a distribuição de absorventes para pessoas em situação de vulnerabilidade e estudantes da rede pública.

Dados do governo federal indicam que o programa está presente em 85% dos municípios brasileiros, cerca de 4,7 mil cidades, e conta com mais de 31 mil estabelecimentos credenciados em todo o país, com capacidade para atender 96% da população brasileira. “A expectativa do Ministério da Saúde é universalizar o programa, cobrindo 93% do território nacional”.

[…] continua nos comentários
...

Foi oficializado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (10) o aumento no número de vagas dos concursos públicos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros da Paraíba. No documento, o aumento corresponde a 200 vagas a mais do que o número de oportunidades ofertadas no edital divulgado em 2023.

O quadro de soldados da Polícia Militar da Paraíba passou a ofertar 1.064 vagas, enquanto o edital do Corpo de Bombeiros da Paraíba passou a ofertar 236 vagas.

Decisão
Após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), com a entrada das mulheres na seleção de ‘ampla concorrência’, cerca de 270 candidatos masculinos ficaram de fora. O coronel Romildo destacou que, após o aumento de vagas divulgado pelo governador João Azevêdo (PSB), alguns candidatos podem ser reestabelecidos ao exame.

“Com essa decisão, Azevêdo reestabelece os candidatos que tinham sido eliminados do concurso. Ele autorizou 200 novas vagas, e com essas novas vagas o edital diz que deverá ser convocado cerca de quatro vezes o número de vagas para prosseguir no certame. Então serão convocados 800 candidatos e eles passarão por todas as etapas eliminatórias, salvo aqueles que já avançaram e já estão aguardando a entrega dos exames de saúde”, acrescentou.

MaisPB

Foi oficializado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (10) o aumento no número de vagas dos concursos públicos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros da Paraíba. No documento, o aumento corresponde a 200 vagas a mais do que o número de oportunidades ofertadas no edital divulgado em 2023.

O quadro de soldados da Polícia Militar da Paraíba passou a ofertar 1.064 vagas, enquanto o edital do Corpo de Bombeiros da Paraíba passou a ofertar 236 vagas.

Decisão
Após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), com a entrada das mulheres na seleção de ‘ampla concorrência’, cerca de 270 candidatos masculinos ficaram de fora. O coronel Romildo destacou que, após o aumento de vagas divulgado pelo governador João Azevêdo (PSB), alguns candidatos podem ser reestabelecidos ao exame.

“Com essa decisão, Azevêdo reestabelece os candidatos que tinham sido eliminados do concurso. Ele autorizou 200 novas vagas, e com essas novas vagas o edital diz que deverá ser convocado cerca de quatro vezes o número de vagas para prosseguir no certame. Então serão convocados 800 candidatos e eles passarão por todas as etapas eliminatórias, salvo aqueles que já avançaram e já estão aguardando a entrega dos exames de saúde”, acrescentou.

MaisPB
...

O prazo de inscrições para o concurso da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba termina nesta sexta-feira (12). O edital para contratação de 80 vagas de emprego conta com oportunidades para cargos de nível técnico e superior. A seleção é organizada pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e os salários vão de R$ 2.953,66 a R$ 12.002.

As inscrições podem ser feitas no site da banca organizadora, em https://www.cebraspe.org.br/concursos/cagepa_24. A taxa de inscrição custa R$ 97,50 para funções de nível médio técnico e R$ 107,10 para as de nível superior. De acordo com a programação do edital, o resultado das provas objetivas está previsto para o dia 4 de outubro.

Os candidatos serão avaliados em até três etapas, sendo elas: prova objetiva; prova discursiva; e avaliação de títulos (nível superior). As provas objetiva e discursiva serão aplicadas no dia 1º de setembro, nos turnos da manhã para nível superior e da tarde para nível médio.

Confira a distribuição das vagas:

Nível técnico

técnico em Eletrônica: três vagas;
técnico em Eletrotécnica: cinco vagas;
técnico em Enfermagem do Trabalho: duas vagas;
técnico em Geoprocessamento: três vagas;
técnico em Informática: duas vagas;
técnico em Mecânica: três vagas;
técnico em Saneamento: dez vagas; e
técnico em Segurança do Trabalho: seis vagas.
 

Para ingressar nos cargos citados acima, será exigido o nível médio técnico na área desejada ou o nível médio acrescido de curso técnico na área. Alguns dos cargos ainda podem ainda solicitar o registro no órgão de classe. A remuneração inicial do aprovado será de R$2.953,66, para uma jornada de 44 horas.

[…] continua nos comentários

O prazo de inscrições para o concurso da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba termina nesta sexta-feira (12). O edital para contratação de 80 vagas de emprego conta com oportunidades para cargos de nível técnico e superior. A seleção é organizada pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e os salários vão de R$ 2.953,66 a R$ 12.002.

As inscrições podem ser feitas no site da banca organizadora, em https://www.cebraspe.org.br/concursos/cagepa_24. A taxa de inscrição custa R$ 97,50 para funções de nível médio técnico e R$ 107,10 para as de nível superior. De acordo com a programação do edital, o resultado das provas objetivas está previsto para o dia 4 de outubro.

Os candidatos serão avaliados em até três etapas, sendo elas: prova objetiva; prova discursiva; e avaliação de títulos (nível superior). As provas objetiva e discursiva serão aplicadas no dia 1º de setembro, nos turnos da manhã para nível superior e da tarde para nível médio.

Confira a distribuição das vagas:

Nível técnico

técnico em Eletrônica: três vagas;
técnico em Eletrotécnica: cinco vagas;
técnico em Enfermagem do Trabalho: duas vagas;
técnico em Geoprocessamento: três vagas;
técnico em Informática: duas vagas;
técnico em Mecânica: três vagas;
técnico em Saneamento: dez vagas; e
técnico em Segurança do Trabalho: seis vagas.


Para ingressar nos cargos citados acima, será exigido o nível médio técnico na área desejada ou o nível médio acrescido de curso técnico na área. Alguns dos cargos ainda podem ainda solicitar o registro no órgão de classe. A remuneração inicial do aprovado será de R$2.953,66, para uma jornada de 44 horas.

[…] continua nos comentários
...

Quem utiliza o Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) no RN, o gás de cozinha, deve sentir um aumento de até R$ 10 no bolso, de acordo com o presidente do Sindicato dos Revendedores Autorizados de Gás LP do RN (Singás-RN), Ivo Lopes. “Esse aumento deve ocorrer até esta quinta-feira, uma vez que alguns locais de venda podem ter estoque”, explica.

Segundo ele, há uma preocupação em relação ao consumo por causa da elevação dos preços, uma vez que o gás de cozinha é amplamente consumido pelas famílias de renda menor.

“ Tivemos um repasse do salário mínimo em torno de 7% e uma inflação de 3,8% no acumulado de 12 meses. Ao mesmo tempo, agora a gente tem esse repasse do GLP, que é um produto totalmente utilizado pela classe mais baixa, com impacto de 10%. Isso pode trazer algum impacto para o consumo, sem dúvida”, afirma o presidente do Singás. O GLP estava sem aumento desde março de 2022. O preço de venda para as distribuidoras passará a ser, em média, equivalente a R$ 34,70 por botijão de 13kg, um aumento equivalente a R$ 3,10.

Desde dezembro de 2022, a Petrobras reduziu os preços de venda para as distribuidoras em valor equivalente a R$ 7,34/13kg.

Com informações da Tribuna do Norte

Quem utiliza o Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) no RN, o gás de cozinha, deve sentir um aumento de até R$ 10 no bolso, de acordo com o presidente do Sindicato dos Revendedores Autorizados de Gás LP do RN (Singás-RN), Ivo Lopes. “Esse aumento deve ocorrer até esta quinta-feira, uma vez que alguns locais de venda podem ter estoque”, explica.

Segundo ele, há uma preocupação em relação ao consumo por causa da elevação dos preços, uma vez que o gás de cozinha é amplamente consumido pelas famílias de renda menor.

“ Tivemos um repasse do salário mínimo em torno de 7% e uma inflação de 3,8% no acumulado de 12 meses. Ao mesmo tempo, agora a gente tem esse repasse do GLP, que é um produto totalmente utilizado pela classe mais baixa, com impacto de 10%. Isso pode trazer algum impacto para o consumo, sem dúvida”, afirma o presidente do Singás. O GLP estava sem aumento desde março de 2022. O preço de venda para as distribuidoras passará a ser, em média, equivalente a R$ 34,70 por botijão de 13kg, um aumento equivalente a R$ 3,10.

Desde dezembro de 2022, a Petrobras reduziu os preços de venda para as distribuidoras em valor equivalente a R$ 7,34/13kg.

Com informações da Tribuna do Norte
...

OUTRAS NOTÍCIAS